DEPOIMENTOS

CÂNTICO ÍNTIMO

O cântico dos cânticos
deve ser entoado no íntimo
no âmbito onde a luz
auréola de nuvem sólida
transforma as dores
em insensibilidades
e se acomoda
nas longas
horas de contemplação.
Cantar para dentro
para as células
para o ventre
para as estranhas entranhas
da alma.
O resto é pura representação
cênica
cínica
cônica
cômica flutuação do ego
em busca do cego aplauso.
O verdadeiro cântico é murmúrio
que se percebe apenas pela fluidez do  espírito
e se esconde entre as juntas e medulas.
Ele adentra de imediato as portas das mansões siderais
pois lá se refugia a música integral.
É inaudível
e somente o Eterno contempla a ebulição.


Leia também os comentários abaixo de 



ANTÔNIO PEDRO
CIDA VILAS BOAS
ÉLIA MOREIRA
HÉLIO SANTOS
JOSÉ HAMILTON LINS
JOSÉ MAURÍCIO GOMES
MÁRCIA SILVA
MARCONDES CALAZANS
NEILTON FARIAS LINS
POEMA GOMMES
REJANE CORREIA
RICARDO GUERRA
SYLVIA BELTRÃO
TÉRCIO GOMMES
WILSON SANTOS

* Roberto de Queiroz é poeta, professor de Português e especialista em Letras. Autor de “Leitura e escritura na escola: ensino e aprendizagem”, Livro Rápido, 2013, entre outros. Facebook: https://www.facebook.com/robertodequeiroz.2                    
Blog: http://poesiavivadeipojuca.blogspot.com







MARCONDES CALAZANS (Palmares-PE)
Escritor, Historiador e Professor Universitário


Admmauro Gommes é o ser humano mais fácil de compreender e de definir, pois com simplicidade somada à genialidade consegue transformar o complexo em fácil, prova de tamanha realidade é possível constatar contemplando sua trajetória desde estudante da FAMASUL, e a partir de seu profissionalismo como Secretário de Educação do Município do Novo Lino e de Xexéu, bem como professor do Departamento de Letras, em cujo exercício do magistério a todos empolga com a perspicaz capacidade de inventar e reinventar métodos de aprendizagem que tornam a construção do conhecimento algo extremamente prazeroso.
O meio século de existência que completa no ano de 2015 parece dizer-nos que ele precisa de duas vidas para que conclua sua tarefa obstinada de escrever e ensinar no atual plano em que nos encontramos. 
Para mim, pessoalmente, como testemunha presencial de sua trajetória intelectual, 50 + 50 = a 100 ainda não será suficiente, pois com certeza não completará em forma de tempo tudo o que deseja, pois ele caminha a passos largos sua eterna obstinação, causando cobiça às academias que não têm um ser como ele, que ao escrever com tanta facilidade transforma tempo e história, poema e literatura em eternidade.

O imperativo da arte de Admmauro Gommes é imprescindível para todos os que o conhecem, sendo indispensável cada livro que escreveu, cada tema que inventou, cada poema que o inspirou na eterna profusão de suas ideias infinitas.

É uma dádiva fazer parte de sua trajetória brilhante!




VITAL CORRÊA DE ARAÚJO (Recife/Garanhuns)
Poeta, crítico literário, ensaísta


AG faz hoje a melhor poesia brasileira – de uma cidade do interior de Pernambuco – porque nele exuberam condições subjetivas, é um lírico consciente e superdotado. E, a estas, adicionou condições objetivas, que é a entrada no átrio de um novo século, com uma nova e avançada concepção de poesia, deixando ao longo do tempo velhas tradições parnasianas, condoreiras, retórica de eloquência sentimental, velharias recicladas no tempo e ultrapassadas, iniciando uma poética voltada ao ultrafuturo. Saiu AG do pântano dos iguais, em que se hipopotamizaram os “poetas” (elementares, não absolutos) brasileiros, rimadores obsessivos e fanáticos contadores de sílabas, constituindo estes uma mediocridade poética organizada e operando o passado vertiginosamente. A poesia, para AG, não é mais uma retomada do passado, mas uma “volta ao futuro.”

A excelência da nova poesia admmauriana conheço, publiquei-a em minhas revistas (Singular, Papel Jornal e Urubu) e no jornal centenário O Monitor, de que fui editor e sou editorialista, propriedade do haicaista Osman Holanda.

Quando afirmei que considero Admmauro Gommes um dos melhores poetas (ou mesmo o melhor) poeta brasileiro da atualidade (2015), não disse nada gratuito ou imponderável. A afirmação se alicerça no meu conhecimento, como poeta que publiquei 20 livros e como razoável crítico amador. E, portanto, na minha autoridade relativa e na minha (embora limitada) reputação, inclusive como propugnador da “nova modalidade de rima”, denominada poesia absoluta, é que baseio tal eleição. E assino embaixo. Dou fé vital.




19 comentários:

  1. O ano de 2015 é histórico e de grande importância, pelo fato de se comemorar no dia 07 de fevereiro os 50 (cinquenta) anos do escritor, poeta, cronista, professor, educador, que tenho a honra de dizer: "meu pai" Admmauro Gommes . Cinquentenário bem chegados graças a Deus. Que o Senhor continue te proporcionando saúde à cada dia, te dando mais e mais sabedoria . Ele que é o meu orgulho, minha base, o homem da minha vida . Expresso todo o meu amor em forma de gratidão por toda dedicação e zelo que sempre teve pela nossa família. Ensinamentos dentro e fora da sala de aula, de um dia-a-dia comum que se torna saudades quando estar distante. E difícil descreve-lo em palavras, pela grandeza do ser humano que é. Sempre coerente, autêntico, perceptível, digno de aplausos. Não só pelo ótimo profissional, mas pelo grande caráter e personalidade. Um exemplo de vida para todas gerações.
    Cinquenta anos com força, garra e vitalidade jovem de 25 anos.
    PARABÉNS pelos 50 anos bem administrados com sucesso, por tudo que com muita determinação se alcançou e por ser quem você é. Eu não seria eu, se você não fosse você. Eu não seria Poema, se meu pai não fosse poeta. ♡ Felicidades .. que seus próximos 50 anos sejam repletos de bênçãos e que seus objetivos sejam alcançados com êxito. TE AMO.

    ResponderExcluir
  2. Sem o poeta, o poema jamais existiria. Na verdade a obra é tão intima do autor, que ela é uma exposição daquilo que existe nele. Como um sonho que nasce de dentro pra fora e gera o fruto da inspiração para florescer o poema. É como o pai que tem todo zelo e cuidado na criação do seu filho, sabendo que está emitindo uma parte dele para o mundo. Juntos são um, pela transparência de estarem ligados em um único sinônimo. O poeta para o poema é uma referencia, base segura que se constrói todas as estrofes do caminho, com os ensinamentos e experiências que vem das lembranças, que desde a infância ainda se faz presente, com os primeiros passos de quando não se sabia nem fazer seu próprio nome, nem o sentido dele. Mas o sentido, a vida vai mostrando sem precisar ler, basta apenas sentir. O poema é mais do que frases bonitas e harmoniosas que se encaixam em perfeita sincronia literária. É a realidade de algo que foi planejado, uma junção de sentimentos, pensamentos e emoções, passado, presente e futuro numa só bagagem. Fases e faces de uma introdução poética. Traz entre seus versos, traços do seu escritor. E é assim comigo, Poema, trago entre minhas linhas um reflexo da vida que meu pai transmite sem precisar de palavras escritas, quem dera eu ser metade do perfil do homem que ele é, um exemplo a seguir de postura, conduta e caráter. Mesmo não sendo o mais perfeito de todos os poemas, é uma satisfação e dadiva de Deus ter escrito entre minhas linhas do DNA, Autor: Admmauro Gommes.
    Suas obras te agradece por cada sentimento agregado a elas, por terem vida no mundo irreal, tornando-as eternas.
    Desejo todas as bênçãos dos céus em sua vida. Que Deus possa te recompensar grandiosamente por todo esforço e dedicação que sempre teve por nossa família e te dê muitos anos de vida com saúde, para que possas realizar tantos outros sonhos com mais sucesso. Obrigada. Te amo!
    GOMMES,POEMA. O cinquentenário do poeta Admmauro Gommes - de filho para pai - 2015. 27 p

    ResponderExcluir
  3. ÉLIA MOREIRA (Campos Frios/ Xexéu-PE)7 de fevereiro de 2015 10:41


    Quero neste momento fazer uma homenagem a uma pessoa muito especial para mim e muito importante em minha vida. Esta pessoa que sempre vive de bom humor, mesmo que a gente esteja passando por problemas e dificuldades mas sempre encontramos apoio e torna nossos problemas mais fáceis contando piadas, e rindo esquecemos de tudo. Esta pessoa especial a quem estou me referindo é o meu amigo de todos os momentos, é você Admmauro Gommes. Parabéns pelos esforços, pelo intelectualismo, competência, enfim, não tenho adjetivos para qualificá-lo, pois seriam inúmeros. Eu só posso dizer: nós te amamos demais e te parabenizo pelos seus 50 anos e agradeço a Deus, por você existir e fazer muita gente feliz. Sua amiga de ontem, hoje de sempre Elia Moreira. Parabéns, felicidades!

    ResponderExcluir
  4. HÉLIO SANTOS (Campos Frios/ Xexéu-PE)7 de fevereiro de 2015 10:42


    Bem, eu quero iniciar as minhas palavras para falar de uma pessoa muito fantástica, um ser humano extraordinário, no qual eu tenho um grande respeito e admiração e que não só para mim mas para todos os que o conhecem é um exemplo de caráter e personalidade maravilhosa e também de uma sabedoria estrondosa. Eu sempre costumo dizer que ele é o homem das “ideias solucionais” por que sempre tem uma solução para os problemas com risos, e impressionante. Uma pessoa que é de se espantar a sua forma humana de atitudes brilhantes. O seu carisma, integridade e moralidade rara. Eu tenho muito orgulho de participar da sua trajetória de vida, mesmo sendo um pequeno figurante dessa grande história, mas para mim já fico satisfeito. Eu agradeço a Deus por ele ter colocado você em minha vida. A Bíblia fala sobre algo muito interessante: no livro de Provérbios, quando diz que há amigos mais chegados que irmãos e é isso que você, Admmauro Gommes, é para mim e sempre vai ser um amigo irmão, que nunca tive, mas chegou no caminho de minha vida da melhor maneira possível e que podia existir. Eu quero dizer que eu, Hélio Santos, desejo tudo de bom da parte de Deus para a sua vida que o nosso Deus, o Deus de Israel, continue contigo derramando as mais ricas bênçãos dos céus para você, por que você merece felicidades hoje, amanhã e sempre. Sucesso total e abundante para a sua vida, em nome de Jesus Cristo. Amém!

    ResponderExcluir
  5. REJANE CORREIA (Famasul)7 de fevereiro de 2015 10:43


    Duas formas de agir de Ademauro me chamam atenção:
    1- CHEGO PARA ELE CONTANDO ALGO QUE PARA MIM É GRAVE. Ele ouve tudinho com a maior paciência, depois dá um leve sorriso e diz algo como: A vida é assim mesmo... mas veja que... e começa a me mostrar o lado bom e outras possibilidades tirando a gravidade do problema.
    2 - QUANDO ESTÁ COM CANETA: Ele rabisca algo, traçando sugestões e soluções e termina com um traço e uma espécie de ponto.
    Ou seja, simplifica a vida e de maneira leve enxerga as coisas. É MUITO RESILIENTE. Um abração!

    ResponderExcluir
  6. JOSÉ MAURÍCIO GOMES (Xexéu)7 de fevereiro de 2015 10:44


    Ademauro é um mito, amado, admirado e respeitado por todas as gerações de nossa família. É a maior referência que temos, pois quem não deseja espelhar-se em um cidadão íntegro, honesto e inteligente?
    Em comemoração aos seus 50 anos, toda homenagem será singela diante da grandeza que esse professor alcançou durante meio século. Admmauro Gommes é uma marca registrada, não só em Xexéu, mas em toda a Mata Sul e Norte das Alagoas.

    ResponderExcluir
  7. RICARDO GUERRA (Jaqueira PE)7 de fevereiro de 2015 10:45

    Caro amigo Admmauro, parabéns e muitas felicidades.
    Que Ele quadruplique está dádiva e obrigado por dividi-la conosco.
    Grande abraço.

    MEIA CENTÚRIA

    Admmauro, adepto, absorto, absoluto.
    Na poética passeia com grande desenvoltura
    Qual cisne branco a deslizar majestático e impoluto
    Num lago azul, numa vida plena de meia centúria.

    A poética agradecida lhe faz reverência
    Pelos versos acurados recheados de poesia
    Todos os poetas da Mata Sul e a sua abrangência
    O saúdam no 7 de fevereiro, seu grande dia.

    Parabéns poeta-mor, lapidador de poetas imberbes.
    Descobridor de valores talentosos escondidos.
    Com sua perspicácia e dom logo os percebe
    Por sua mão ao mundo poetal são conduzidos.

    Vida saudável e longa pra ti, grande poeta.
    Que Ele lhe conceda uma centúria completa,
    De poesias, amigos, reconhecimento e festa.

    ResponderExcluir

  8. Hoje é um dia muito especial para mim, e para todos os que no plano de existência atual recebem a dádiva da amizade do poeta Admmauro Gommes.

    Ser humano especial pelo alto grau de espiritualidade e de sentimento pelo outro, cujo presente é sempre receber dele além de muito conhecimento, sabedoria que distribui com sorriso esplêndido nos lábios.

    É hoje 365, 5 horas, 49 minutos e 12 segundos de existência, o que corresponde a 50 anos de vida.

    Viva a vida! Viva a Admmauro Gommes, um ser que se eterniza em tudo que realizou. São milhares de alunos, centenas de amigos e um tanto incontável de letras e palavras transformadas em poemas publicados em livros, revistas e jornais.

    Admmauro Gommes é eterno o que 50 x 50 anos = 2500 anos não seriam suficientes para que ele possa concluir sua obra eterna.

    Parabéns meu irmão e amigo pela data que se repete e se repetirá sempre.

    ResponderExcluir
  9. Prof. Me. NEILTON FARIAS LINS7 de fevereiro de 2015 14:27

    Admmauro Gommes é o tipo de pessoa que todos que o conheceram e conhecem, e todos de quem ele fez ou faz parte da vida, sentem o orgulho desse plano traçado pelo destino. Admmauro esteve presente em todos os processos de crescimento de minha vida. Por isso eu o considero, não como professor. Porque professor a gente conhece muito durante a vida acadêmica, mas mestre, são poucos, ou apenas um. O incrível, que me vejo seu eterno discípulo. É um verdadeiro poeta, mas acima de tudo um sábio. Ouvir Admmauro é aprender quando achamos que já sabemos tudo. Até seu silêncio nos ensina a ouvir. Parabéns meu Mestre.

    ResponderExcluir
  10. "Um dia ele chega lá, seu Amaro. No começo é difícil mesmo, depois ele desarna e desembesta para a leitura."
    Né que o Doutor Floriano estava coberto de razão?!
    Não conheci o Doutor Floriano e nem a sua excelente leitura, mas sou capaz de apostar que o garotinho Gommes de outrora, hoje lê tão bem quanto, ou melhor que ele. E ainda declama de maneira encantadora.
    É...
    Admmauro Gommeu encheu o seu Amaro de orgulho, o Doutor Floriano, a Sylvia Beltrão e um montão de gente nesse mundão. Parabéns pelo texto, foi um dos mais belos que já li. Imaginei o garotinho admirando o Doutor e pensando: "Um dia eu vou ler igual a ele!". Eu penso quase assim: "Um dia eu quero ser ao menos parecida com Admmauro Gommes!"

    ResponderExcluir
  11. PROFESSOR WILSON ALVES7 de fevereiro de 2015 14:38

    Parabéns! Sinto-me da Família por teres sido meu aluno. E digo a esses que se orgulham do Pai que tem. Fiquem mais felizes, pois ele foi assim grande, desde da época de aluno. Hoje, muito feliz, tenho-o como meu Mestre de Texto, além de um grande amigo.
    Há outras qualidades nesse Homem "Ademauro": uma delas é ser amigo. A Faculdade de Formação de Professores onde trabalha, ele é um celeiro, um canteiro que perfuma todo o ambiente com seus textos poéticos e uma linguagem coerente de amizade, sentimento de ajuda, cabeça sábia e com muita tranquilidade socorre todo mundo com um olhar de prazer.

    ResponderExcluir
  12. Parabéns Pai. Obrigado por tudo que o senhor me ensinou, como poeta, professor e principalmente como pai. Um verdadeiro guerreiro que eu e meus irmãos podemos admirar e observar nessa sua história de vida que é um exemplo de vencedor. Pai, peço que Deus te abençoe e guie todos os dias e seus objetivos sejam conseguidos por méritos de glória que vai acontecer na sua vida. Amém! Te amo!

    ResponderExcluir
  13. CIDA VILAS BOAS (São Paulo)7 de fevereiro de 2015 21:55


    Parabéns, Admmauro.

    Bem de longe tenho seguido seus passos como Poeta, Escritor, Jornalista...
    O que me causa espanto é notar com que sinceridade seus amigos, colegas, alunos, familiares escrevem tentando adjetivá-lo. E, mesmo sem admitir, quando colocam um "ponto final" em seu texto, é obvio que foi muito pouco o que disseram, que você está muito além daquilo que realmente merece.

    Claro é que, se estes que têm o privilégio de estar no dia a dia usufruindo de sua intelectualidade, sorvendo seus ensinamentos, e de uma forma geral, participando de sua vida, se eles, repito, ficam embaraçados para defini-lo, como eu me situo? No entanto tenho plena certeza que você é para todos que o conhecem a célula mater da competência, da simplicidade, da magnanimidade de seu interior.

    A única coisa que posso dizer daqui de meu cantinho do sertão de São Paulo ao observar o que dizem seus amigos e pelo pouco que conheço de seus livros, é que "escrever para você é tão necessário quanto o ar que respira, a água que desaltera sua sede, o sol que lhe aquece, a lua que o embevece, a natureza que o humaniza".

    Parabéns Admmauro e que este nosso Pai Amoroso, tenha abundantes graças a derramar sobre sua vida, tanto quanto os sorrisos e incentivos que prodigamente você distribui, a mãos cheias, àqueles que o cercam.

    Feliz aniversário... (Meio século a distribuir conhecimentos)

    ResponderExcluir
  14. EU TAMBÉM ESTOU EM FESTA!
    Tenho acompanhado no blog (ou Livro Mágico) o movimento quanto ao cinquentenário de Admmauro Gommes. Devo felicitações. Não somente pelas cinco décadas bem vividas, eu seria até hipócrita se fizesse apenas isso, pois sou testemunha de muitas maravilhas que ele proporciona por aí. Li muita coisa no blog e senti muita veracidade nos depoimentos lá publicados. Fiquei emocionada com a homenagem que Ademac fez para seu pai e pensei: “Aqui tem diversos pontos de vista: Palavras de amigos, professores, filhos, esposa, mas... e eu? Tá faltando o ponto de vista da aluna, da admiradora, da seguidora, da fiel leitora!”. Tentarei ser breve. Tudo começou assim: “Eu me chamo Admmauro Gommes, sou professor de Teoria Literária da FAMASUL, mas não vou dar o conceito de literatura. Darei apenas algumas pistas, uma tempestade de ideias e vocês irão elaborar um conceito de quinze linhas sobre Literatura”. Essas foram as palavras que ele usou no primeiro dia de aula, do primeiro período do Curso de Letras (2011.1). Isso me chocou imediatamente. Eu não tinha dúvidas que estava diante de um ser diferente. Em 99% dos casos, o professor vem com aquele blábláblá etimológico, histórico e coisa e tal. Um conceito de quinze linhas sobre Literatura? Logo assim de cara? Na hora, julguei intimamente: “Ou ele é muito bom ou muito ruim!”. No decorrer dessa aula que tinha tudo para ser assustadora, ele realmente “tempestuou” seus conhecimentos e a turma conseguiu vencer o desafio proposto. Isso foi apenas um aviso. Os desafios andam com ele. Ele é insaciável com as palavras. É incrível! Lembro que ele passou uma atividade sobre Romantismo e Realismo, exigiu dez linhas e eu com o meu exagero, escrevi quase duas folhas. Ele veio de banca em banca corrigir essa atividade. Tentei me desculpar: “Professor, terei que refazer, não escutei que o senhor queria apenas dez linhas e acabei escrevendo isso tudo”. Ele pegou a atividade com aquela seriedade dele e começou a ler pacientemente. Quando eu pensei que ele fosse pedir para que eu resumisse, ele me surpreendeu dessa maneira: “Muito bom! Não pare! Escreva mais algumas folhas e faça um artigo científico”. Me parou no corredor do Curso de Letras e metralhou essa: “Trouxe este livro para você, quero que dê uma lida nele, e em dez minutos quero uma escrita automática sobre ele!”. Quase caí dura nesse dia, mas eu fiz. O interessante é que ele sempre vem com muita naturalidade. Do nada, ele chegava e perguntava: “Vai fazer o quê no segundo horário?”. Eu já suspeitava: Lá vem desafio! E logo em seguida: “Vou falar sobre crônica literária no segundo período e gostaria que você deixasse algumas palavras por lá”. Fui...

    ResponderExcluir
  15. CONTINUAÇÃO:

    Me convidou para encontros de poesia, com o poeta absoluto Vital Corrêa de Araújo, participei de todos e foi a partir daí que eu desembestei a escrever poemas. Enviava para ele, que logo em seguida, avaliava-os. Tomei gosto pela coisa e comecei a enviar para ele também os meus contos e crônicas. Sem sombra de dúvidas, foi o homem que mais me motivou a escrever. Foram tantos textos, que certo dia ele me falou: “Daqui a pouco você publicará um livro!”. Pronto, ele conseguiu colocar essa pulga atrás da minha orelha e o meu livro realmente saiu com o total incentivo dele. Cada aula, um espetáculo. Ele sugeria que comprássemos sua apostila, mas o assunto que emanava dele era muito mais interessante. Ele quase não escrevia no quadro, quando muito, uns rabiscos, mesmo assim a aula era repleta de informação, completa. Eu ficava angustiada quando perdia uma aula sua. Professor em sala de aula e fora dela. Aprendi muito com ele por e-mails. Parava-o no corredor caso alguma dúvida me perturbasse. Ele tirou todas elas. Todos esses desafios foram de fundamental importância em minha formação, quase sempre eu me perguntava: “Será que sou mesmo capaz?”. A consequência disso, foi que para vencer cada desafio admmauriano, eu precisei me dedicar, estudar, ultrapassar todos os meus limites e tudo isso gerou conhecimento. Hoje, eu também estou em festa, eu comemoro o privilégio de ser aluna dele. Brigo com quem disser: “Você não é mais aluna de Admmauro! Você já é graduada!”. Sou sim! Para mim, professor é aquele que ensina, aluna é aquela que busca conhecimento. Basta acessar seu blog para eu ter a certeza que ele continua me ensinando, logo, é meu professor e pronto! E assim sempre será. Poderá aposentar-se, ficar velhinho, com a memória fraquinha, eu poderei ser doutora-não-sei-o-que-lá-das-quantas, mas eu sempre vou olhar para ele com carinho, com respeito, e irei sempre apontá-lo como o “meu professor”, porque ele é o meu exemplo maior. Meu sonho profissional é ser um plágio de Admmauro Gommes, se não for possível, 10% de sua competência já me basta. Eis algumas das razões pelas quais eu desejo: Parabéns, professor! Ahhh, eu quase ia esquecendo: “Feliz aniversário!”
    Um abração de Sylvia Beltrão.

    ResponderExcluir
  16. Professor e poeta Admmauro,
    50 anos é pouco para ouvir e saborear suas poesias. Que mais, que tanto, que muito, muito mais anos, anos de Ademmauro Gommes, de amigo Gommes, de poesia Gommes, de professor Gommes.
    Tão fundamental para seus alunos, seu discípulos, seus admiradores, seus anônimos, seu antônimos, seus sinônimos.
    Tão incentivador da leitura, da pesquisa, da busca, do saber, do conhecer, do produzir, do ouvir, do falar, do querer, do conquistar.
    Mestre na arte do ensinar, do entender, do aconselhar, do encaminhar, do convidar, do lapidar.
    Brilhante no ser e no existir.
    Parabéns, e que Deus conceda mais 50 anos de Admmauro Gommes, que também será para nós!

    ResponderExcluir
  17. O professor e poeta Admauro Gomes é um profeta do século atual.

    ResponderExcluir
  18. Caríssimo Professor ADMMAURO GOMMES,

    Dou como recebidas as referências acerca do seu cinquentenário de profícua existência e, guardadas as proporções do tempo, da sua luminosa carreira literária, ora trazendo à lume obras da sua lavra, ilustrando os leitores que não são poucos, ora formando gerações para que o vazio cultural não venha desapontar as consciências do futuro.

    O seu trabalho na formação da bandeira e do hino de Xexéu já lhe faria entrar no conceito de todos sem pedir licença. A heráldica dos seus sonhos juvenis fora materializada nessa tarefa inesquecível.

    Tocante à sua obra literária que já é vasta, não saberia por razões óbvias pô-la no pedestal que merece, daí me contentar vir as resenhas dos especialistas que me são suficientes como meio de suprimento avaliatório. Melhor assim.

    De mais a mais, associo-me aos 10 lustros da sua festa cumprimentando um xexeuense ilustre que honra os seus pagos.

    Parabéns.
    José Hamilton Lins - Advogado em Palmares, PE.

    ResponderExcluir
  19. HOMENAGEM AO MESTRE...

    Autêntico na arte de ensinar
    Difícil é conhecê-lo
    E não o admirar.
    Mestre que fascina ao explicar,
    Muito inspira, conquista e motiva
    Ao lecionar.
    Uma qualidade além de eficiente,
    Raridade, rei, irmão...
    Outras mil seriam insuficientes.
    50 ANOS
    Garra de grande guerreiro,
    Orgulho de Xexéu,
    Mas, troféu do povo brasileiro.
    Muitos o admiram pela simplicidade,
    E o que todos lhe desejam é...
    Sucesso, paz e muita felicidade!

    ResponderExcluir